Ministério da Saúde confirma primeira morte por varíola dos macacos no Brasil

Jul 29, 2022

Óbito foi registrado em Uberlândia (MG); paciente era um homem com baixa imunidade.

O Ministério da Saúde confirmou, nesta sexta-feira (29), a primeira morte por varíola dos macacos no Brasil. O óbito foi registrado em Uberlândia (MG) na quinta; o paciente era um homem com baixa imunidade.


Varíola dos macacos: qual o perfil dos infectados e como isso pode mudar com avanço da doença

Veja o que se sabe sobre a vacinação


Nesta semana, a cidade de São Paulo confirmou os primeiros casos da doença em crianças.


Até esta quarta-feira (27), o Brasil tinha 978 casos confirmados de varíola dos macacos, em 15 estados e no Distrito Federal:

  • São Paulo (744)

  • Rio de Janeiro (117)

  • Minas Gerais (44)

  • Paraná (19)

  • Distrito Federal (15)

  • Goiás (13)

  • Bahia (5)

  • Ceará (4)

  • Santa Catarina (4)

  • Rio Grande do Sul (3)

  • Pernambuco (3)

  • Rio Grande do Norte (2)

  • Espírito Santo (2)

  • Tocantins (1)

  • Mato Grosso do Sul (1)

  • Acre (1)

Os números podem variar em relação aos das Secretarias Estaduais de Saúde por causa de tempo de notificação ao ministério.

Emergência de saúde global


No sábado (23), a varíola dos macacos foi declarada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como uma "emergência de saúde global".


A decisão pode levar a um maior investimento no tratamento da doença e avançar na luta por vacinas, que estão em falta. Na prática, o estado de emergência obriga agências sanitárias pelo mundo a aumentar medidas preventivas.


Atualmente, só há outras duas emergências de saúde deste tipo: a pandemia do coronavírus e o esforço contínuo para erradicar a poliomielite.


Mais de 18 mil casos e 5 mortes pela doença já foram relatados à organização, em 78 países. Mais de de 70% das infecções vêm da Europa e 25%, das Américas.


Source: globo.com